SLIDE 1 TÍTULO

e encontrar este texto e substituir pela sua descrição do post em destaque...

SLIDE 2 TÍTULO

encontrar este texto e substituir pela sua descrição do post em destaque..

ESTE É O PADRÃO APRESENTADO SLIDE 3 TÍTULO

Vá para o Blogger Editar HTML e encontrar este texto e substituir pela sua descrição do post em destaque...

SLIDE 4 TÍTULO

e encontrar este texto e substituir pela sua descrição do post em destaque...

SLIDE 5 TÍTULO

e encontrar este texto e substituir pela sua descrição do post em destaque...

sexta-feira, 31 de maio de 2013

A SAÚDE DE COLOMBO PEDE SOCORRO NA RPC.

MAIS UM CAPITULO DE COLOMBO NA RPC...
CONCLUÍMOS QUE O CAOS NA SAÚDE SE ESTABELECEU EM NOSSA CIDADE..
PEDIMOS QUE A SECRETARIA DE SAÚDE DO MUNICIPIO VENHA A PUBLICO E ESCLAREÇA O MOTIVO DESSE CAOS E QUAIS SÃO AS PROVIDENCIAS QUE SERÃO TOMADAS PARA RESTABELECER O ATENDIMENTO MÉDICO IMEDIATO A POPULAÇÃO JÁ TÃO SOFRIDA.
JÁ QUE SE PASSARAM 5 MESES E CONTINUAMOS A VER A POPULAÇÃO PADECENDO, DE POSTO A POSTO  EM COLOMBO ATRÁS DE ATENDIMENTO E NÃO ENCONTRANDO MÉDICOS , E COM ISSO SUPERLOTANDO OS POSTOS DE ATENDIMENTO DE CURITIBA.

COFRE PÚBLICO DE COLOMBO ARROMBADO

EX - SERVIDORES DA PREFEITURA DE COLOMBO VÃO RECEBER INDENIZAÇÃO MILIONÁRIA...
Valores que ultrapassam mais de 1.500.000,00 (hum milhão e quinhentos mil reais)...
O fato causou indignação do vereador Hélio Feitosa... Pediu uma sindicância para apurar...
situação essa que foi unânime entre todos os vereadores de oposição...
leia abaixo declaração do vereador...


            HÉLIO FEITOSA  

terça-feira, 28 de maio de 2013

SAÚDE DE COLOMBO PEDE SOCORRO

Principal Pronto-Socorro de Colombo está sem atendimento

Da Redaçãounidade-saude-sede-2
Faltam médicos nas unidades de saúde de Colombo, na região metropolitana de Curitiba. A denúncia é do vereador da cidade, Clodoaldo Camargo (PTN). Segundo o vereador, os moradores da região reclamaram para ele que os atendimentos no Pronto Socorro do Alto Maracanã, um dos principais da cidade, não são realizados. Os pacientes são orientados a tentar atendimento em outra unidade de saúde.
Os atendentes do Pronto Socorro do Alto Maracanã informaram que estão com apenas um médico para atender as emergências.
Quem procura atendimento é orientado a procurar o Pronto Socorro do Jardim Osasco, onde segundo a atendente, tem médicos, mas está lotado.
Os postos de saúde da região de Colombo atendem apenas até o meio dia.


GESTÃO TRANSPARENTE

Municípios devem divulgar gastos na internet

A partir desta segunda-feira (27/5), todos os municípios brasileiros são obrigados a disponibilizar seus gastos detalhados na Internet, conforme determina a Lei Complementar 131, de 2009. A prefeitura que descumprir a determinação legal não poderá receber transferências voluntárias de recursos do governo federal, podendo os gestores, ainda, serem responsabilizados por ato de improbidade administrativa em virtude de omissão.

segunda-feira, 27 de maio de 2013

HORA DE UMA REVOLUÇÃO MORAL NA POLITICA

A maioria dos políticos são capazes de cometerem qualquer "crime" se este for o caminho para uma boa negociação política (o prazer pelo poder) e, visando tirar proveito de regalias e mordomias que o sistema oferece. Antigos adversários se unem ignorando as desavenças com a maior naturalidade. Alguns ficam em cima do muro, sem uma definição prévia mas, a espera pela melhor oportunidade. E, com esta atitude estão traindo ao eleitor que confiou seu voto com o objetivo de fazer oposição ou mesmo de  estar de acordo com a situação.
 Todos ficam vendo para onde o vento sopra mais favoravelmente, até que trace a sua rota
mais certeira. E, nas "negociatas" vale tudo, principalmente a troca por cargos ou a própria moeda brasileira em espécie. A corrupção corre solta.
E os, pobres políticos vão ficando sem opção e vitimas da falta de escrúpulos e comprometimento dos seus representantes e, quase sempre os mesmos continuam no poder. O homem simples, cidadão de bem, sente -se impotente diante de tantas "negociatas" e mentiras. A falta de compromisso com a ética e com a administração correta do bem público é o que impera. É hora de uma revolução moral, a fim de que o homem de bem possa chegar ao poder e gerir a coisa  pública, conforme preconiza a política em sua essência.
Editorial do Jornal de Colombo.


sexta-feira, 24 de maio de 2013

POSTURA CORRETA

ESTARIA O ADVOGADO DA CÂMARA DE COLOMBO COMETENDO TRANSGRESSÃO???
O crime de tergiversação exige para sua consumação a atuação por advogado na mesma causa simultânea e/ou sucessiva. É um patrocínio infiel, com o fim de lograr, enganar e tirar proveito na causa antes defendida pelo advogado agora contra o seu ex-constituinte (cliente).
No caso da atuação simultânea nenhuma dúvida existe, já que é o atuar ao mesmo tempo para partes adversas no processo, o que configura a prática criminosa.

segunda-feira, 20 de maio de 2013

VEREADOR RENATO DA FARMÁCIA ESTAVA DE FÉRIAS?


O ano nem bem começou e parece que já tem vereador tirando umas férias, seria verdade isso?

Alguns discípulo da Rainha, estão dizendo nos corredores politico colombense que o Vereador Renato da Farmácia (PSDC) estaria voltando de viajem na noite de hoje. Parece que o piazinho estava descansando em CANCUN, no México.

Poderíamos saber o que o vereador teria ido fazer em Cancun?

Seria esse o motivo para a falta do mesmo nas ultimas duas sessões?

Senhor Presidente José Renato Strapasson (PELÉ) poderemos ter acesso a justificativa do vereador pelas faltas nas ultimas sessões?

Quem será o próximo a viajar do "quarteto da rainha"?




CIDADÃO ALERTA... FISCALIZE

  • NÃO CONFUNDA DEVER COM VITÓRIA

Se você é daqueles que comemora como se fosse uma vitória a aprovação de contas de seu prefeito/governador é porque alguma coisa ilícita você sabe que existiu. Pois ter as contas aprovadas é o mínimo que esperamos de um agente público pago por nós e bem pago por sinal. Não se comemora um dever, se cumpre. Os canalhas e cretinos comemoram não a aprovação das contas mas sim a da falcatrua.
Ivljr
    NÃO CONFUNDA DEVER COM VITÓRIA

    Se você é daqueles que comemora como se fosse uma vitória a aprovação de contas de seu prefeito/governador é porque alguma coisa ilícita você sabe que existiu. Pois ter as contas aprovadas é o mínimo que esperamos de um agente público pago por nós e bem pago por sinal. Não se comemora um dever, se cumpre. Os canalhas e cretinos comemoram não a aprovação das contas mas sim a da falcatrua.FISCALIZE CIDADÃO

    Você acompanha o trabalho dos parlamentares
    de sua cidade e sua região?
    Fiscalize!!
      

domingo, 19 de maio de 2013

A DONA DE COLOMBO...


Beti Pavin, prefeita municipal de Colombo, está no bico do corvo, mais uma vez, por conta do seu estilo de administrar e que nesta semana explodiu com mais uma denúncia envolvendo seu nome.
Depois de enfrentar dificuldades para assumir o cargo para que foi eleita na última disputa eleitoral.
Beti Pavin, envolveu-se agora numa situação que o MP julga, no mínimo, imoral sem escrever ainda, com todas as letras, que se trata de um processo ILEGAL. A dita cuja tem com Strapasson nada menos que 12 parentes ocupando cargos na administração municipal de Colombo, conforme mostrou a TV PARANAENSE nesta semana.
São 04 secretários municipais... 03 diretores de departamentos, 03 chefes de setor, um secretário de gabinete e uma procuradora, uns com nomes parecidos e outros como agregados de família, todos misturando um GRANDE CONGLOMERADO FAMILIAR, que hoje dirige os destinos de Colombo.
 Depois de ser salva por decisão monocrática do Ministro Marco Aurélio Mello, a prefeita Beti Pavin, na última eleição denunciada como FICHA SUJA, está hoje se imaginando " DONA DE COLOMBO"  e não apenas alcaide do município.
fonte: jornal impacto.

sexta-feira, 17 de maio de 2013

OS VALORES DEVEM SER CONSTRUIDOS JUNTOS.

O homem não é para ser engulido... É preciso desmistificar a idéia de que ser bom é ser simplesmente impor regras, saber mandar, ser obedecido.
No desespero e ambição de se destacar politicamente o vereador Waldirlei Bueno de Oliveira... ele tenta impor uma força de desequilibrio diante de seus pares... levando a desconcertar os membros da bancada governista... com métodos ditatoriais e uníssono.

quinta-feira, 16 de maio de 2013

VALE A PENA VER DE NOVO

COLOMBO UMA VERGONHA NACIONAL

 

BETI PAVIN COMANDA ESSA BALBURDIA ELEITORAL.

MAIS DE 50% DA POPULAÇÃO DE COLOMBO APROVARAM ESSE DESMANDO.
  
FAMÍLIA PAVIN: GILBERTO, AZIOLÊ E VERA PAVIN.
FAMÍLIA TOSIN: TÂNIA E ELIANE.
FAMÍLIA STRAPASSON: MÁRCIO, MARIANA, GEOVANE (CUNHADO) E ALISSON.
FAMÍLIA ALBERTI: OSMAR, VALÉRIA E ÂNGELO.
A vaca leiteira terá leite suficiente para alimentar tudo isso???
Haverá licitação para contratar uma Suiça???

O NEPOTISMO CORRE SOLTO NA GESTÃO BETI PAVIN

quarta-feira, 15 de maio de 2013

WALDIRLEI BUENO FAZ BETI PAVIN PERDER ALIADOS

O vereador Waldirlei Bueno de Oliveira, fiel escudeiro da "rainha" Beti Pavin, deu um tiro no próprio pé e fez com que a coroa de sua chefa esteja prestes a cair. Um grupo de vereadores que mostraram que não foram desmamados com garapa, resolveu dar o troco pela prepotência e demagogia mostrada pelo líder da prefeita durante as sessões.

O nobre edil até tentou segurar a barra querendo se juntar ao grupo independente formado pelos vereadores, mas não foi aceito. Parece que ele não tinha entendido que só existe esse grupo porque ele tenta dominar os outros, assim como faz com os seus asseclas.

O certo é que Beti terá que comer miudinho na mão desse grupo, pois somando oposição e os rebelados, são 12 contra 09. Para quem só parecia dar atenção aos seus cumpinchas Renato da Farmácia, Sergio Pinheiro, Pelé e o próprio puxa Waldirlei, agora terá que se preocupar em dar "auxilio" aos outros.

Essa é uma demonstração de como Beti não sabe escolher seus representantes, deixar uma função de líder na mão de uma pessoa que possui a rejeição de quase 90% dos vereadores é pura burrice. Quem poderá se fortalecer com essa história é a oposição.

O fato é que a situação politica do grupo da situação não é nada confortável e os ânimos parecem estar muito acirrados, ainda mais tendo uma pessoa despreparada e que só pensa no seu próprio umbigo.

Se não deram atenção aos outros vereadores, a coisa poderá ser bem pior. Pois fomos informados que mais quatro vereadores já se interessaram em participar do Uvecol. Não seria surpresa se o vereador Ratinho se juntasse a esse grupo, pois mudar de lado é com ele mesmo.

O CASTELO DE AREIA... DESMORONOU

BOMBA...BOMBA...BOMBA...

A CRIAÇÃO DA UNIÃO DOS VEREADORES DE COLOMBO... OS NOBRES VEREADORES...
ALAN...
EURICO...
GILGERA...
SIDINEI CAMPOS...
MARQUINHOS BERLESI...
E RENATO LUNARDON...
NOSSA HOMENAGEM POR HONRAREM O VOTO DO POVO QUE OS ELEGERAM...
E NÃO ACEITAREM SEREM MANIPULADOS QUE CERTOS VEREADORES QUE SE ACHAM OS DONOS DA CASA DE LEI..,
POLÍTICOS QUE USAVAM CABRESTOS TEVE SEU FIM A MUITO TEMPO...
ESPERAMOS QUE ESSA UNIÃO DO GRUPO SEJA DURADOURA...
E OUTROS MEMBROS DA CASA TENHAM A MESMO COMPORTAMENTO ÉTICO...

PEDIDO NEGADO... POR QUE SERÁ???
 

 
O VEREADOR PROFESSOR WALDIRLEI...
TEVE SEU PEDIDO DE INGRESSO NEGADO...
PELA UVERCOM (UNIÃO DOS VEREADORES DE COLOMBO)...
POR SEIS VOTOS A ZERO...
O FEITIÇO VIROU CONTRA O FEITICEIRO...    









 

domingo, 12 de maio de 2013

SAÚDE DE COLOMBO CAIU NO ABISMO

ATÉ QUANDO???
ENQUANTO A PREFEITA E A SECRETARIA DE SAÚDE DESCANSARAM NO FERIADÃO...
A POPULAÇÃO CONTINUOU A NÃO TER MÉDICOS NOS POSTOS DE SAÚDE...
É LOUVÁVEL AS REFORMAS NOS POSTOS...
O MAIS NECESSÁRIO É... ATENDIMENTO MÉDICO...
ATÉ QUANDO???...

Postos fechados por falta de médicos... pacientes tendo que ficar em filas intermináveis...
Numa temperatura de inverno e não são atendidos...
Vemos que o caos e o descaso continua a imperar na nossa cidade...
Com a remuneração baixa os profissionais de medicina não se habilitam a praticarem seus conhecimentos...
E tanto... que vários pediram suas exonerações e não pretendem clinicar no município...
Será que a nova administração não consegue regularizar essa situação...
Que está se tornando um pânico para a população...
Posto que cidadãos não podem ficar á mercê da incapacidade gestorial de uma cidade como Colombo...

SECRETARIA DE SAÚDE DE COLOMBO... NÃO ACEITA COLABORAÇÃO DE MÉDICO

DR. Wagner Sabino... MÉDICO...
E conhece a realidade e vive a situação da precariedade da saúde pública em Colombo... se colocou a disposição para ajudar na administração deste setor..
Mais até agora não recebeu nenhuma resposta... parece que Colombo está sem rumo mesmo... é muito triste...
ATÉ PARECE QUE ESTÁ TUDO BEM COM A SAÚDE DO COLOMBENSE.

 GASTOS EXCESSIVOS COM PUBLICIDADES...
E NOMEAÇÃO DE COMISSIONADOS GERAM UM DESPERDICIO INCOMUM...
QUE PODERIA SER APLICADO EM SETORES RELEVANTES...
SEI NÃO... MAS DO JEITO QUE A COISA ANDA... VAI SER PRECISO ALGUÉM COM  MUITO MAIS CAPACIDADE DE GERENCIAMENTO...
 PARA COLOCAR EM ORDEM ESSA BADERNA.



sexta-feira, 10 de maio de 2013

Foto: A professora Martha de Freitas Azevedo Pannunzio, de 74 anos, é de Uberlância. Ela escreveu uma carta para a presidente Dilma que foi entregue em mãos. Vale a pena ler. É a voz de quem não se cala e não consente. 

BRASIL CARINHOSO
Bom dia, dona Dilma!
Eu também assisti ao seu pronunciamento risonho e maternal na véspera do Dia das Mães. Como cidadã da classe média, mãe, avó e bisavó, pagadora de impostos escorchantes descontados na fonte no meu contracheque de professora aposentada da rede pública mineira e em cada Nota Fiscal Avulsa de Produtora Rural, fiquei preocupada com o anúncio do BRASIL CARINHOSO.

Brincando de mamãe Noel, dona Dilma? Em ano de eleição municipalista? Faça-me o favor, senhora presidentA! É preciso que o Brasil crie um mecanismo bastante severo de controle dos impulsos eleitoreiros dos seus executivos (presidente da república, governador e prefeito) para que as matracas de fazer voto sejam banidas da História do Brasil.

Setenta reais per capita para as famílias miseráveis que têm filhos entre 0 a 06 anos foi um gesto bastante generoso que vai estimular o convívio familiar destas pessoas, porque elas irão, com certeza, reunir sob o mesmo teto o maior número de dependentes para engordar sua renda. Por outro lado mulheres e homens miseráveis irão correndo para a cama produzir filhos de cinco em cinco anos. Este é, sem dúvida, um plano quinquenal engenhoso de estímulo à vagabundagem, claramente expresso nas diversas bolsas-esmola do governo do PT.

É muito fácil dar bom dia com chapéu alheio. É muito fácil fazer gracinha, jogar para a plateia. É fácil e é um sintoma evidente de que se trabalha (que se governa, no seu caso) irresponsavelmente.

Não falo pelos outros, dona Dilma. Falo por mim. Não votei na senhora. Sou bastante madura, bastante politizada, sobrevivente da ditadura militar e radicalmente nacionalista. Eu jamais votei nem votarei num petista, simplesmente porque a cartilha doutrinária do PT é raivosa e burra. E o governo é paternalista, provedor, pragmático no mau sentido, e delirante. Vocês são adeptos do quanto pior, melhor. São discricionários, praticantes do bullying mais indecente da História do Brasil.

Em 1988 a Assembleia Nacional Constituinte, numa queda-de-braço espetacular, legou ao Brasil uma Carta Magna bastante democrática e moderna. No seu Art. 5º está escrito que todos são iguais perante a lei*. Aí, quando o PT foi ao paraíso, ele completou esta disposição,
enfiando goela abaixo das camadas sociais pagadoras de imposto seu modus governandi a partir do qual todos são iguais perante a lei, menos os que são diferentes: os beneficiários das cotas e das bolsas-esmola.

A partir de vocês. Sr. Luís Inácio e dona Dilma, negro é negro, pobre é pobre e miserável é miserável. E a Constituição que vá para a pqp.

Vocês selecionaram estes brasileiros e brasileiras, colocaram-nos no tronco, como eu faço com o meu gado, e os marcaram com ferro quente, para não deixar dúvida d e que são mal-nascidos. Não fizeram propriamente uma exclusão, mas fizeram, com certeza, publicamente, uma apartação étnica e social. E o PROUNI se transformou num balcão de empréstimo pró escolas superiores particulares de qualidade bem duvidosa, convalidadas pelo Ministério de Educação.

Faculdades capengas, que estavam na UTI financeira e deveriam ter sido fechadas a bem da moralidade, da ética e da saúde intelectual, empresarial, cultural e política do País. A Câmara Federal endoidou?
O Senado endoidou? O STJ endoidou? O ex-presidente e a atual presidentA endoidaram? Na década de 60 e 70 a gente lutou por uma escola de qualidade, laica, gratuita e democrática. A senhora disse que estava lá, nesta trincheira, se esqueceu disto, dona Dilma?
Oi, por favor, alguém pare o trem que eu quero descer!

Uma escola pública decente, realista, sintonizada com um País empreendedor, com uma grade curricular objetiva, com professores bem remunerados, bem preparados, orgulhosos da carreira, felizes, é disto que o Brasil precisa. Para ontem. De ensino técnico, profissionalizante.

Para ontem. Nossa grade curricular é tão superficial e supérflua, que o aluno chega ao final do ensino médio incapaz de conjugar um verbo, incapaz de localizar a oração principal de um período composto por coordenação. Não sabe tabuada. Não sabe regra de três. Não sabe calcular juros. Não sabe o nome dos Estados nem de suas capitais.
Em casa não sabe consertar o ferro de passar roupa. Não é capaz de fritar um ovo. O estudante e a estudantA brasileiros só servem para prestar vestibular, para mais nada. E tomar bomba, o que é mais triste.

Nossos meninos e jovens leem (quando leem), mas não compreendem o que leram. Estamos na rabeira do mundo, dona Dilma. Acorde! Digo isto com conhecimento de causa porque domino o assunto. Fui a vida toda professora regente da escola pública mineira, por opção política e ideológica, apesar da humilhação a que Minas submete seus professores. A educação de Minas é uma vergonha, a senhora é mineira (é?), sabe disto tanto quanto eu. Meu contracheque confirma o que estou informando.

Seu presente para as mães miseráveis seria muito mais aplaudido se anunciasse apenas duas decisões: um programa nacional de planejamento familiar a partir do seu exemplo, como mãe de uma única filha, e uma escola de um turno só, de doze horas. Não sabe como fazer isto? Eu ajudo. Releia Josué de Castro, A GEOGRAFIA DA FOME. Releia Anísio Teixeira. Releia tudo de Darcy Ribeiro. Revisite os governos gaúcho e fluminense de seu meio-conterrâneo e companheiro de PDT, Leonel Brizola. Convide o senador Cristovam Buarque para um café-amigo, mesmo que a Casa Civil torça o nariz. Ele tem o mapa da mina.

A senhora se lembra dos CIEPs? É disto que o Brasil precisa. De escola em tempo integral, igual para as crianças e adolescentes de todas as camadas, miseráveis ou milionárias. Escola com quatro refeições diárias, escova de dente e banho. E aulas objetivas, evidentemente.
Com biblioteca, auditório e natação. Com um jardim bem cuidado, sombreado, prazeroso. Com uma baita horta, para aprendizado dos alunos e abastecimento da cantina. Escola adequada para os de zero a seis, para estudantes de ensino fundamental e para os de ensino médio, em instalações individuais para um máximo de quinhentos alunos por prédio. Escola no bairro, virando a esquina
de casa. De zero a dezessete anos. Dê um pulinho na Finlândia, dona Dilma. No aerolula dá pra chegar num piscar de olhos. Vá até lá ver como se gerencia a educação pública com responsabilidade e resultado. Enquanto os finlandeses amam a escola, os brasileiros a depredam. Lá eles permanecem. Aqui a evasão é exorbitante.

Educação custa caro? Depende do ponto de vista de quem analisa.
Só que educação não é despesa. É investimento. E tem que ser feita por qualquer gestor minimamente sério e minimamente inteligente.
Povo educado ganha mais, consome mais, come mais corretamente, adoece menos e recolhe mais imposto para as burras dos governos.
Vale à pena investir mais em educação do que em caridade, pelo menos assim penso eu, materialista convicta.

Antes que eu me esqueça e para ser bem clara: planejamento familiar não tem nada a ver com controle de natalidade. Aliás, é a única medida capaz de evitar a legalização do controle de natalidade, que é uma medida indesejável, apesar de alguns países precisarem recorrer a ela. Uberlândia, inspirada na lei de Cascavel, Paraná, aprovou, em novembro de 1992, a lei do planejamento familiar. Nossa cidade foi a segunda do Brasil a tomar esta iniciativa, antecipando-se ao SUS. Eu, vereadora à época, fui a autora da mesma e declaro isto sem nenhuma vaidade, apenas para a senhora saber com quem
está falando.

Senhora PresidentA, mesmo não tendo votado na senhora, torço pelo sucesso do seu governo como mulher e como cidadã. Mas a maior torcida é para que não lhe falte discernimento, saúde nem coragem para empunhar o chicote e bater forte, se for preciso.
A primeira chibatada é o seu veto a este Código Florestal, que ainda está muito ruim, precisado de muito amadurecimento e aprendizado.
O planeta terra é muito mais importante do que o lucro do agronegócio e a histeria da reforma agrária fajuta que vocês estão promovendo.

Sou fazendeira e ao mesmo tempo educadora ambiental. Exatamente por isto não perco a sensatez. Deixe o Congresso pensar um pouco mais, afinal, pensar não dói e eles estão em Brasília, bem instalados e bem remunerados, para isto mesmo. E acautele-se durante o processo eleitoral que se aproxima. Pega mal quando um político usa a máquina para beneficiar seu partido e sua base aliada.
Outros usaram? E daí? A senhora não é os outros. A senhora á a senhora, eleita pelo povo brasileiro para ser a presidentA do Brasil, e não a presidentA de um partidinho de aluguel, qualquer.

Se conselho fosse bom a gente não dava, vendia. Sei disto, é claro.
Assim mesmo vou aconselhá-la a pedir desculpas às outras mães excluídas do seu presente: as mães da classe média baixa, da classe média média, da classe média alta, e da classe dominante, sabe por quê? Porque somos nós, com marido ou sem marido, que, junto com os homens produtivos, geradores de empregos, pagadores
de impostos, sustentamos a carruagem milionária e a corte
perdulária do seu governo tendencioso, refém do PT e da base aliada oportunista e voraz.

A senhora, confinada no seu palácio, conhece ao vivo os beneficiários da Bolsa-família? Os muitos que eu conheço se recusam a aceitar qualquer trabalho de carteira assinada, por medo de perder o benefício.

Estou firmemente convencida de que este novo programa, BRASIL CARINHOSO, além de não solucionar o problema de ninguém, ainda tem o condão de produzir uma casta inoperante, parasita social, sem qualificação profissional, que não levará nosso País a lugar nenhum. E, o que é mais grave, com o excesso de propaganda institucional feita incessantemente pelo governo petista na última década, o Brasil está na mira dos desempregados do mundo inteiro,
a maioria qualificada, que entrarão por todas as portas e ocuparão todos os empregos disponíveis, se contentando até mesmo com a informalidade. E aí os brasileiros e brasileira vão ficar chupando prego, entregues ao deus-dará, na ociosidade que os levará à delinquência e às drogas.

Quem cala, consente. Eu não me calo. Aos setenta e quatro anos, o que eu mais queria era poder envelhecer despreocupada, apesar da pancadaria de 1964. Isto não está sendo possível. Apesar de ter lutado a vida toda para criar meus cinco filhos, de ter educado milhares de alunos na rede pública, o País que eu vou legar aos meus descendentes ainda está na estaca zero, com uma legislação que deu a todos a obrigação de votar e o direito de votar e ser votado, mas gostou da sacanagem de manter a maioria silenciosa no ostracismo social, alienada e desinteressada de enfrentar o desafio de lutar por um lugar ao sol, de ganhar o pão com o suor do seu rosto. Sem dignidade, mas com um título de eleitor na mão, pronto para depositar um voto na urna, a favor do político
paizão/mãezona que lhe dá alguma coisa. Dar o peixe, ao invés de ensinar a pescar, esta foi a escolha de vocês.

A senhora não pediu minha opinião, mas vai mandar a fatura para eu pagar. Vai. Tomou esta decisão sem me consultar. Num país com taxa de crescimento industrial abaixo de zero, eu, agropecuarista, burro-de-carga brasileiro, me dou o direito de pensar em voz alta e o dever de me colocar publicamente contra este cafuné na cabeça dos miseráveis. Vocês não chegaram ao poder agora. Já faz nove anos, pense bem! Torraram uma grana preta com o FOME ZERO, o bolsa-escola, o bolsa-família, o vale-gás, as ONGs fajutas e outras esmolas que tais.

Esta sangria nos cofres públicos não salvou ninguém? Não refrescou niente? Gostaria que a senhora me mandasse o mapeamento do Brasil miserável e uma cópia dos estudos feitos para avaliar o quantitativo de miseráveis apurado pelo Palácio do Planalto antes do anúncio do BRASIL CARINHOSO. Quero fazer uma continha de multiplicar e outra de dividir, só para saber qual a parte que me toca nesta chamada de capital. Democracia é isto, minha cara. Transparência. Não ofende. Não dói.

Ah, antes que eu me esqueça, a palavra certa é PRESIDENTE.
Não sou impertinente nem desrespeitosa, sou apenas professora de latim, francês e português. Por favor, corrija esta informação.

Se eu mandar esta correspondência pelo correio, talvez ela pare na Casa Civil ou nas mãos de algum assessor censor e a senhora nunca saberá que desagradou alguém em algum lugar. Então vai pela internet. Com pessoas públicas a gente fala publicamente para que alguém, ciente, discorde ou concorde.
O contraditório é muito saudável.

Não gostei e desaprovo o BRASIL CARINHOSO. Até o nome me incomoda. R$2,00 (dois reais) por dia para cada familiar de quem tem em casa uma criança de zero a seis anos, é uma esmolinha bem insignificante, bem insultuosa, não é não, dona Dilma?
Carinho de presidentA da república do Brasil neste Momento, no meu conceito, é uma campanha institucional a favor da vasectomia e da laqueadura em quem já produziu dois filhos. É mais creche institucional e laica. Mais escola pública e laica em tempo integral com quatro refeições diárias. É professor dentro da sala de aula,
do laboratório, competente e bem remunerado. É ensino
profissionalizante e gente capacitada para o mercado de trabalho.

Eu podia vociferar contra os descalabros do poder público, fazer da corrupção escandalosa o meu assunto para esta catilinária.
Mas não. Prefiro me ocupar de algo mais grave, muitíssimo mais grave, que é um desvio de conduta de líderes políticos desonestos, chamado populismo, utilizado para destruir a dignidade da massa ignara. Aliciar as classes sociais menos favorecidas é indecente e profundamente desonesto. Eles são ingênuos, pobres de espírito, analfabetos, excluídos? Os miseráveis são. Mas votam, como qualquer cidadão produtivo, pagador de impostos.
Esta é a jogada. Suja.

A televisão mostra ininterruptamente imagens de Desespero social.
Neste momento em todos os países, pobres, emergentes ou ricos, a população luta, grita, protesta, mata, morre, reivindicando oportunidade de trabalho. Enquanto isto, aqui no País das Maravilhas, a presidente risonha e ricamente produzida anuncia um programa de estímulo à vagabundagem. Estamos na contramão da História, dona Dilma!

Pode ter certeza de que a senhora conseguiu agredir a inteligência da minoria de brasileiros e brasileiras que mourejam dia após dia para sustentar a máquina extraviada do governo petista.

Último lembrete: a pobreza é uma consequência da esmola. Corta a esmola que a pobreza acaba, como dois mais dois são quatro.
Não me leve a mal por este protesto público. Tenho obrigação de protestar, sabe por quê? Porque, de cada delírio seu, quem paga a conta sou eu.

Atenciosamente,
Martha de Freitas Azevedo Pannunzio
Fazenda Água Limpa, Uberlândia, em 16-05-2012
A professora Martha de Freitas Azevedo Pannunzio, de 74 anos, é de Uberlância. Ela escreveu uma carta para a presidente Dilma que foi entregue em mãos. Vale a pena ler. É a voz de quem não se cala e não consente.


BRASIL CARINHOSO
Bom dia, dona Dilma!

LIDERANÇA EM JOGO...

O REI DA CÂMARA...
Penoso discutir com os que dizem possuidores da verdade. Com certeza que nós nos abraçamos em algumas evidências, verdades, e temos idéias elaboradas sobre deliberados assuntos; e é imprescindível se manifestar quando se acredita em um ideal, projeto que venha trazer benefícios para a cidade em que vivemos e que construímos a partir de nossas experiências e conhecimentos. Mas sempre há aquele que tem idéia, teoria formada sobre tudo e que as acham excepcionais e o pior é que tem admiradores seguidores delas, caso do vereador Waldirlei Bueno. Se torna embaraçoso e inconveniente quando o individuo se convence de que sua opinião é impar verdadeira e benéfica , assim, indiscutível, incontestável. Se ele se defronta com adverso a sua idéia a sua verdade, está feita a confusão. De qualquer forma, não se deve esquecer que esse cidadão, foi escolhido pelo povo para representá-los ,a real é que sua proposta está sendo um contratempo para a democracia e que toma proporções gigantescas pois o“dono da verdade” tem astúcia, manha, espaço para falar e fazer suas besteiras e assim se achar o salvador da pátria. Dependendo do cenário, situação, ele pode empolgar, despertar interesse de muitos e que os mesmos se beneficiem desse enredo no qual o sujeito foi autor...

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Cidadão comenta: "Lula de Colombo"? nem aqui e nem na China

Pensávamos que com essa nova administração muita coisa mudaria em Colombo, mas bastou assumirem o poder para termos a certeza que trocamos meia duzia por quatro.

HELIO COSTA COMENTA: Reflexão meio anarquista

HELIO COSTA COMENTA: Reflexão meio anarquista: Reconheço que é um título meio esquisito para uma reflexão. Mas foi o que me ocorreu no momento e parece que se “enquadrou” naquilo que eu ...

quarta-feira, 8 de maio de 2013

O SEU VEREADOR SE COMPORTA ASSIM???


“O Vereador tem o dever da:

- assiduidade, comparecer às sessões do Plenário e das comissões;
- cortesia, tratar com urbanidade os colegas;
- dedicação ao trabalho legislativo, dele participando no Plenário e nas comissões;
- atenção aos eleitores, tanto nos pleitos coletivos como individuais;
- probidade política e administrativa, imune dos desvios do mandato, ou seja, ter conduta retilínea;

É ainda dever do Vereador lutar pela construção e funcionamento de escolas, construção e funcionamento de hospitais e postos de saúde, abertura de estradas, pavimentação de vias públicas urbanas, perfuração e funcionamento de poços tubulares, abastecimento de água, instalação de energia elétrica.

Cabe ao Vereador cobrar do Prefeito a divulgação, até o último dia do mês seguinte ao da arrecadação, dos valores dos impostos, taxas e contribuição de melhoria recebidos, bem como todos os outros recursos passados ao Município


REPARTIÇÕES PUBLICAS.

Você não acha que está mais do que no hora de ter em todas as instituições e repartições publicas , em um lugar bem visível um quadro com o nome e o horário de todos os funcionários públicos , concursados, nomeados, e contratados e terceiros.
Pois bem, olhe só quem paga o salário somos nós, então não é mais do que direito saber quantos tem trabalhando naquele local, quantos estão de férias, quantos estão faltando aquele dia.
Um exemplo bem claro, quantas vezes você já chegou a um posto de saúde e os atendentes dizem que o médico não veio, ou não chegou ainda. Assim saberiamos o horário dele, e com certeza não faltaria tanta ou atrasaria.

BETI PAVIN LIVRE...



Blog do Esmael Blog do Esmael

TSE arquiva cassação de Beti Pavin

Acordo político na Câmara e com ex-adversário deixa a tucana Beti Pavin, prefeita de Colombo, com "o céu de brigadeiro e mar de almirante"; depois de limpar sua ficha no legislativo municipal, TSE arquiva definitivamente pedido de cassação de seu mandato.
Acordo político na Câmara e com ex-adversário deixa a tucana Beti Pavin, prefeita de Colombo, com “o céu de brigadeiro e mar de almirante”; depois de limpar sua ficha no legislativo municipal, TSE arquiva definitivamente pedido de cassação de seu mandato.
A prefeita do município de Colombo, Beti Pavin (PSDB), conseguiu o arquivamento definitivo do pedido de cassação do registro de sua candidatura — e a diplomação — que vinha se arrastando há um ano. A tucana conseguiu essa proeza depois de anular no final de março decreto municipal da Câmara de Vereadores, aprovado em 2009, rejeitando suas contas relativas à sua gestão de 2001.
Paralelamente à batalha jurídica, Beti Pavin também fez movimentos na frente política. Ela celebrou um acordo com o ex-adversário, Zé Vicente (PSC), que retirou todas as demandas judiciais.
Com o arquivamento do pedido de cassação pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a tucana diz que agora no município, região metropolitana de Curitiba, “o céu é de brigadeiro e o mar de almirante”.
Compartilhe esta informação

segunda-feira, 6 de maio de 2013

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Legislação atual possibilita que cidadão fiscalize poder público


Fiscalizar a vida política não é uma exclusividade dos órgãos competentes. Graças à lei complementar n.º131 de 2009, o governo federal, os governos estaduais e cada vez mais municípios são obrigados a publicar informações sobre suas gestões, para não descumprirem a Lei de Responsabilidade Fiscal. Isso permitiu que a sociedade civil não só tenha acesso a dados que até então eram de difícil obtenção, mas facilitou a criação de entidades fiscalizadoras e organizações não-governamentais (ONGs) que têm o propósito de traduzir informações, muitas vezes cifradas e técnicas, ao cidadão interessado.

É o que explica Gil Castelo Branco, diretor executivo e fundador da ONG Contas Abertas, que, desde 2005, se especializou em fiscalizar contas públicas e fornecer notícias e documentos aos cidadãos. Ele conta que a última etapa da lei complementar entra em vigor daqui a um mês, no dia 26 de maio, passando a obrigar os municípios com menos de 50 mil habitantes a divulgar suas contas.
“A história da transparência no Brasil é recente, a lei de acesso à informação já existia em 90 países quando foi criada no Brasil, no ano passado”, explica. “Passamos por um grande período de letargia da população, que só agora está entendendo que o Estado somos nós todos, e que os políticos são nossos representantes e nossos funcionários.”
Os sites das ONGs oferecem conteúdos como manuais e palestras, mas o cidadão interessado em acompanhar dados públicos pode começar, recomenda Castelo Branco, verificando se não há um grupo local que já faça o trabalho. “Atualmente existem organizações nacionais, como o Amarribo, que trabalha com contas municipais, ou o Instituto de Fiscalização e Controle, que faz caravanas para visitar as cidades. Há ainda o Transparência Brasil, que traz dados do legislativo”, conta.
Acompanhamento
Caso não seja possível manter a dedicação que tal trabalho exige, o diretor do Contas Abertas sugere que o interessado ao menos acompanhe, em seu papel de cidadão, as discussões e as votações do Legislativo, cobrando seus representantes nas diferentes esferas e, claro, denuncie as irregularidades aos órgãos responsáveis. “O cidadão informado está apto a fazer uma análise crítica das informações que colhe. Se a gente quer que o país mude, essa mudança tem que passar pela gente.”
(Vida pública - Gazeta do Povo)


quarta-feira, 1 de maio de 2013

VOU DE GRAU


COMO VEJO O GRAU...
O grupo é essencial para representar os interesses da sociedade.
Deve ser o canal onde podem ter um formação adequada para buscar o atendimento dos anseios da população por meios legais, legitimos e éticos.
O grupo deve levantar perante o município todos os problemas que hão de ser respondidos e além de apresentar problemas deve apresentar programa sobre o que se propóe realizar.
Tem como uma das suas principais bandeiras defender as premissas democráticas e buscar o atendimento dos interesses da coletivade de acordo com a visão ideológica de seus integrantes, respeitando o que determina a nossa constituição, realçando os princípios éticos, morais e dos bons costumes.
QUERO DEIXAR CLARO QUE ESSA É UMA OPINIÃO PESSOAL...
NILCEU SEM CENSURA.... VICE PRESIDENTE DO GRAU.

GRAU

O que é o GRAU

O GRAU - Grupo dos Amigos Unidos, é constituído por um grupo de pessoas que, por possuirem os mesmos ideais, resolveu se unir para lutar pelos interesses da coletividade, com o firme propósito de proclamar a transparência, a ética e a justiça social. Não somos, meramente, um grupo de oposição ao governo local, tmbém não somos de situação. Na verdadde nos consideramos um grupo de pessoas bem intencionadas que surgiu para proporcionar uma NOVA OPÇÃO  aos habitantes do nosso município.

Temos dois focos principais: social e político. Por mais que a política esteja em descrédito perante o conceito da maioria do povo brasileiro, não podemos, de forma alguma, ignorar a força que ela possui dentro do nosso sistema chamado democrático. Exatamente po enxergar dessa forma, e também pela seriedade e autenticidade de nossas propostas, jamais iríamos ocultar que o GRAU terá uma militância política sim. Mas pretendemos praticar uma política séria, honesta e transparente. Nossa intenção é contribuir para a formação de futuros políticos   honestos, responsáveis e comprometidos com os anseios de nossa gente, e que tenham principalmente, respeito com o dinheiro público. Utopia? Pode até ser. Mas, como disse Fernando Pessoa: "Toda luta vale a pena, quando a alma não é pequena".

Por outro lado, também, pretendemos agir de forma intensa na área social. Criando e despertando no povo,  o anseio pela luta e a conquista de melhores condições de vida. A nosso ver a massa humana chamada "povo" tem sido, ao longo do tempo massacrada, explorada e humilhada por um sistema cruel e injusto onde uma elite domina e escraviza os menos favorecidos. Acreditamos que essa situação desajustada, na grande maioria das vezes ocorre por falta de esclarecimento, orientação e união entre aqueles que se encontram enfraquecidos e marginalizados pelo sistema.

Nós do GRAU acreditamos no velho ditado que diz: "A união faz a força". Por isso convidamos você a unir-se a nós. Venha conhecer a nossa filosofia, os nossos ideais e as nossas propostas. Você receberá todas as informações com clareza, com objetividade e com muita transparência. Não enganamos! Não mentimos! E só queremos com a gente aqueles que se harmonizarem com nossos ideais.
Contato: graucolombo@gmail.com
Fone: (41) 3037-5792

Compartilhe

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More